Ao criarmos, aqui no Ceará, a Orquestra Popular do Nordeste, pretendemos evidenciar a força cultural da Terra da Luz. Terra do abolicionista Alberto Nepomuceno, pioneiro na utilização de aspectos afro-brasileiros na música erudita; do maestro Eleazar de Carvalho, que regeu orquestras do mundo todo; do multi-instrumentista Zé Menezes, que tocou até os seus quase 100 anos.

Tremembé é o projeto da Orquestra Popular do Nordeste – OPN que une: interpretação e pesquisa da música cearense. Pensado para acontecer durante o laboratório de música do Porto Iracema das Artes 2017, visando divulgar, registrar e promover a cultura  do Ceará através de: oficinas, vídeos, publicações e concertos.

Foto: Alex Hermes

Estamos pesquisando repertório de compositores cearenses, escrevendo partituras e arranjando essas músicas para orquestra. Convidando os autores para tocar junto com a OPN. Tarcísio Sardinha, Carlinhos Patriolino, Carlos Patriolino, Jorge Cardoso, Adelson Viana, Luizinho Duarte entre outros. Também com composições, arranjos e interpretações de músicos: Pedro Madeira, Samuel Rocha, Luis Hermano, Giltácio Santos, Pedro Ernesto, Brenna Freire.

Lab. de Artes Visuais

  • 051/Grande Circular
  • Isolamento Compulsório
  • Novas Abordagens Perceptivas do Real
  • Sonho causado pelo voo de uma abelha ao redor de uma romã, um segundo antes de acordar

Lab. de Audiovisual

  • Ocre
  • Estrada Aberta
  • Tempo de matar cachorro
  • Telma
  • Perdido
  • 7 CAIXAS

Lab. de Dança

  • 233 A, 720 Khalos
  • Afrontamento
  • Afrontamento
  • Corpos Embarcados

Lab. de Música

  • Sila Crvs A.O.A
  • Iracema Som Sistema
  • Ode ao Mar Atlântico
  • Orquestra Popular do Nordeste

Lab. de Teatro

  • Caldeirão de água no deserto – realidades e utopias?.
  • DESPEJADAS
  • Nossos Mortos
  • O retorno a Juberlano